Qual a diferença entre psicoterapia emocional e bonding?

Embora obedeçam aos mesmos princípios, a psicoterapia emocional e a psicoterapia bonding são duas práticas bem diferentes:

A primeira funciona em qualquer consultório psicoterapêutico e recorre apenas a mesas e cadeiras. Pode ser individual ou de grupo, funcionando em ambulatório ou internamento.

consulta de psicoterapia emocional

Já a segunda é bastante mais intensa, recorrendo a exclamações mais fortes e a uma intimidade física não sexualizada; funcionado também num contexto ambulatório ou de internamento.

Todas as sociedades simples utilizam a prática do Bonding (colagem).Nestas sociedades os pais têm tempo suficiente para um convívio chegado com os filhos. Encontram-se entre a generalidade dos povos chamados primitivos, como as tribos índias (no Brasil estudadas por Levi Strauss), em Okinava a seguir à Segunda Guerra Mundial, observada por Casriel, e em muitas sociedades agrárias e simples, como a que observei em Mértola em 1976.

"A psicoterapia Emocional e Bonding funcionam com focagem e em associação livre de emoções e sentimentos, mitigada".

Sem focagem, a mera associação livre de emoções ou pensamentos pode servir para desviar o paciente dos assuntos que verdadeiramente lhe interessam. A focagem é uma questão muito importante na psicoterapia Gestalt e na obra de Leslie Greenberg, com a sua teoria e técnica de psicoterapia focada nas emoções, que apareceu 30 anos depois do livro de Casriel.

Praticada há mais de 50 anos, a psicoterapia emocional bonding tem-se verificado um tratamento bastante rápido e eficaz.

No dia 29 de Setembro de 2018 vamos partilhar casos clínicos reais e resultados do trabalho científico desenvolvido.

Saiba mais em - > Workshop Psicoterapia Emocional Bonding 29 Setembro de 2018


Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square